ENSINO BÁSICO: UNIVERSALIDADE GARANTIDA

Ensino BásicoA medida de gratuitidade efectiva no ensino básico desde 2005/06 associado a uma melhoria  significativa da oferta escolar para este nível de ensino permitiram atingir uma escolarização universal de seis anos em 2010/11.

Se o primeiro ciclo do ensino básico é universal desde há uma década, o principal desafio do país foi de garantir a presença dos alunos na escola até a conclusão do segundo ciclo do ensino básico (sexto ano).
A gratuitidade efectiva do ensino básico a partir do ano escolar 2005-06, ligado a um aumento significativo da oferta escolar no segundo ciclo do ensino básico tem permitido ao país erradicar o abandono em pleno ciclo (e particularmente, entre o 4º e 5º ano de estudos) e alcançar assim uma educação universal de seis anos (ensino básico universal) em 2010-11.
A taxa de conclusão do ensino básico (taxa de acesso na 6ª classe) se estabelecia por conseguinte em 116% em 2010-11 contra 62% em 2002-03. No entanto, esta universalização do ensino básico sendo recente, será necessário confirmá-la nos próximos anos lectivos.

Observa-se também que o acesso e a conclusão do primeiro ciclo do ensino secundário duplicou neste período com 84% e 45% de uma faixa etária que respectivamente acessava e que concluíam o primeiro ciclo do ensino secundário em 2010-11.
Pelo contrário, no segundo ciclo do ensino secundário, não tem havido nenhum progresso entre 2002-03 e 2010-11 na medida em que a conclusão deste ciclo é idêntico, com 12% de uma faixa etária que concluía em 2002-03 como em 2010-11.

NOSSA LOCALIZAÇÃO

Ministério da Educação, Cultura e Ciência

Rua Samora Machel, Agua Grande 

CP 41 - São Tomé, São Tomé e Príncipe

Visite-nos

 

FALE CONNOSCO

Par qualquer informação ou solicitação dos nossos serviços.

Fale connosco aqui

Liga-nos +239 2223366 / 2226412

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.