Distrito de Lobata prepara-se para albergar no Liceu em Conde Destaque

O Ministério da Educação, Cultura, Ciência e Comunicação lança primeira pedra para obras  de ampliação e reabilitação da Escola Básica e Secundária de Desejada.

A iniciativa surge no âmbito da política do governo em alcançar  uma educação de qualidade para todos , diminuindo o rácio de alunos por  sala de aulas para que o processo de ensino\aprendizagem seja mais simplificado.

A ampliação e reabilitação desta escola engloba um campo desportivo, bancada desportiva e muro de vedação.  Usando da palavra, na circunstância, Olinto Daio ministro da educação, defendeu igualmente que esta ampliação da escola de Desejada é um ponto de apoio para o novo liceu do distrito de Lobata.
“Essa escola será também um ponto de apoio ao novo Liceu de Conde, como sabemos as obras estão avançadas e estará pronto no próximo ano lectivo. Esperemos que no próximo ano lectivo possamos ter aqui até 12º ano e aqui poderemos ter poucos alunos por turma, o que permitirá melhor qualidade de ensino e melhor aprendizagem”.

A escola de Desejada, actualmente alberga cerca de 1104 alunos, divididos em 18 turmas e para o próximo ano lectivo contará com mais 4 salas e espaços adjacentes, para fazer face a pressão demográfica.

A Direcção da Escola, bem como o Presidente da Câmara do distrito de Lobata,  alunos e encarregados de educação, na qualidade de beneficiários congratularam com esta iniciativa do MECCC. 

Policarpo Freitas, presidente da Câmara de Lobata, disse que essa construção vem reforçar a aposta do governo na educação “ isto vem reforçar o que está no programa do governo,  uma das apostas quer da Câmara, quer do governo é a  educação”.

Já Martinique José, Director da Escola disse que é certo que é uma mais valia  para a população de Desejada já que o excesso de alunos por sala constitui um problema para o processo de aprendizagem.  “ é certo que é uma mais valia para a população e um ganho que o governo dá a população visto que isto vai responder de uma forma afirmativa no que concerne ao rácio de alunos por turma e que vai ajudar bastante no ensino aprendizagem.”

Dulce Lima, Encarregada de Educação vê com bons olhos a iniciativa e agradece que estes gestos não parem por aqui. “ eu vejo como boa essa iniciativa para as crianças que estudam nessa escola e espero que isso não pare por aqui”.

 Portanto, dentro de 6 meses a escola de desejada contará com mais um edifício de dois pisos, com 4 salas de aulas, um auditório, uma biblioteca e salas de informática e dos professores, bem como espaços adjacentes.

Modificado em %AM, %22 %389 %2018 %08:%Jan.

Login para post comentários

NOSSA LOCALIZAÇÃO

Ministério da Educação, Cultura e Ciência

Rua Samora Machel, Agua Grande 

CP 41 - São Tomé, São Tomé e Príncipe

Visite-nos

 

FALE CONNOSCO

Par qualquer informação ou solicitação dos nossos serviços.

Fale connosco aqui

Liga-nos +239 2223366 / 2226412

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.